Nutrição Intelectual

O Dia Mundial da Alimentação foi na semana passada. A ideia de mandar os meus filhos para a escola sem comer algo de bom e saudável logo pela manhã me deixa algo assustada. Como se concentrariam? Como aprenderiam? Conseguiriam aguentar até à hora do recreio sem perder as forças?

No entanto, todos os dias, literalmente, milhões de crianças em todo o mundo aparecem na escola com o estômago vazio. Ou não aparecem de todo.

Quantas vidas é que vale Notre Dame?

Pouco mais de 24 horas após o incêndio que danificou seriamente a Notre-Dame de Paris, as doações para a reconstrução da catedral de 850 anos ultrapassaram 1 bilhão de euros (1,1 bilhão de dólares) [Pt. mil milhões de euros]. A maior parte deste dinheiro vem de algumas das pessoas mais ricas da França. […] o custo da reconstrução deve ficar entre 300 e 600 milhões de euros, muito menos do que o valor angariado.
Os manifestantes gilets jaunes (coletes amarelos) já levantaram a questão óbvia: “E os pobres?”

Futebolistas Filantrópicos: O Quadro Completo

O jogador de futebol do Manchester United, Juan Mata, apareceu nas manchetes quando prometeu doar 1% de seu rendimento para a caridade. Tem sido considerado “o cara mais legal do futebol” o que pode bem ser verdade. Estima-se que o salário de Mata seja cerca de 7 milhões de Libras por ano, o que, a ser exato, faria com que sua doação fosse de 70 000 Libras por ano. Certamente uma bênção para os cofres de caridade.

Dez Razões Pelas Quais Não se Doa à Caridade

Essas desculpas comuns não resistem a um exame minucioso. 1. Eu já dou o suficiente. Prefiro investir em minha própria comunidade. Embora tenhamos um desejo natural em apoiar nossas comunidades locais, há um grande desequilíbrio entre doações domésticas e doações internacionais. Noventa e cinco por cento dos 240 bilhões [Pt. 240 mil milhões] de dólares que…

A Tragédia da Ilusão Moral

Obrigação Moral Suponha que está a andar pela rua abaixo e que de repente repara numa criança se afogando em uma lagoa rasa. A maioria de nós irá considerar que é imperativo salvar a sua vida, independentemente da inconveniência pessoal ou o custo de arruinar roupas caras. Mas essa intuição moral é normativa? Ou melhor,…