Conselhos para jovens idealistas: Encontrar uma causa sozinha

Como jornalista que não está muito afastado da sua juventude desperdiçada, recebo um número razoável de e-mails de leitores que, ou estão na faculdade ou são recém-formados, a pedirem conselhos sobre o que fazer com o resto das suas vidas. […] O mundo tem tantos problemas: pobreza e fome crónicas, tortura e abate em massa de animais, desastres climáticos contínuos e agravados, o surgimento de armas e doenças que podem acabar com a vida tal como a conhecemos. Caso se queira apenas fazer algo de bom, como devemos escolher?

Altruísmo entusiasmado

Os críticos do altruísmo eficaz preocupam-se que estejamos a tentar escolher causas com base em cálculos sobre como ajudar o mundo tanto quanto possível, em vez de nos basearmos nas causas que nos entusiasmam. Preocupam-se que não estejamos, portanto, totalmente envolvidos ou comprometidos com as causas que escolhemos.
Penso que, essencialmente, essas pessoas entendem mal o altruísmo eficaz.

Alguns Conceitos Úteis para Lidar com a Incerteza

O Altruísmo Eficaz alia dois âmbitos, a vontade de fazer o bem e a convicção que se deve fazê-lo da maneira que maximiza os bons resultados. A ideia não é difícil de defender. O bem é, por definição, bom. Fazer o bem aos outros é, portanto, bom. E, por fim, mais bem é melhor do que menos bem. No entanto, na prática, isso requer muito trabalho, face à complexidade da realidade e face à incerteza das alternativas disponíveis e das consequências das ações escolhidas. No que se segue, apresentarei, alguns conceitos que podem ajudar…

Os problemas do longotermismo aplicados ao presente

Um dos esforços recentes do Altruísmo Eficaz tem sido o de divulgar a necessidade de se pensar sobre questões do futuro, como os riscos-existenciais e o longotermismo. Esse campo de investigação tem alguns tipos de problemas que guiam as discussões, entre eles, o problema do buraco negro, a parálise de decisão e a diversificação. A proposta deste texto será de apresentar esses problemas com o intuito de verificar se eles podem ajudar também na reflexão acerca das intervenções humanitárias que visam resolver problemas no presente.