Animais não-humanos: vítimas dos humanos, vítimas da natureza

Sobre o autor:

Luciano Cunha é doutorando em Filosofia (Ética) na Universidade Federal de Santa Catarina.

Descrição do vídeo:

Os danos que são resultado de causas naturais sobre os animais não-humanos importam? Se sim, o quanto importam, comparados aos danos que são resultado de práticas humanas?

A maior parte do debate dentro da ética animal tem se centrado nos danos que os animais padecem em decorrência de sua exploração.

A maioria dos ativistas mantém que, com relação aos animais selvagens, nossa única obrigação é não prejudicá-los com nossas práticas.

Essa conclusão é baseada em duas suposições:

(1) A de que, se não intervirmos na natureza, o resultado dos processos naturais é o de que a vida dos animais selvagens é predominantemente positiva e;

(2) A de que os danos que são resultado de causas naturais, ou não importam, ou importam menos do que os danos que surgem de práticas humanas.

Essa apresentação desafia as duas pressuposições acima.

(1) O resultado dos processos naturais, dada a estratégia reprodutiva predominante, é tal que faz com que quase a totalidade dos animais que nasce na natureza o faça somente para sofrer intensamente e morrer logo em seguida, e que o número dos animais que passam por essa situação seja maximizado.

(2) Os fatores que determinam a existência e a força das razões para nos importarmos com danos que tem origem em práticas humanas estão igualmente presentes em danos que tem origem em causas naturais.

Sugestão de artigos sobre o tema:

La cuestión del mal natural: bases evolutivas de la prevalencia del desvalor (Oscar Horta)

https://dspace.usc.es/bitstream/10347…

Muerte entre las flores: el conflicto entre el ecologismo y la defensa de los animales no humanos (Catia Faria)

http://www.academia.edu/4657939/Muert…

O Princípio Da Beneficência E Os Animais Não-humanos: Uma Discussão Sobre O Problema Da Predação E Outros Danos Naturais (Luciano Carlos Cunha)

http://minerva.usc.es/bitstream/10347…

Debunking the Idyllic View of Natural Processes: Population Dynamics and Suffering in the Wild (Oscar Horta)

https://masalladelaespecie.files.word…

Ecologismo e antiespecismo: discrepância científica ou moral? (Catia Faria)

http://www.anda.jor.br/18/03/2015/eco…

Coletâneas sobre o tema:

Número especial da revista Ágora: Papeles de Filosofia (em espanhol e português):

https://masalladelaespecie.wordpress….

Número especial da revista Relations: Beyond Anthropocentrism (em inglês):

http://www.ledonline.it/index.php/Rel…

Anúncios

3 comentários sobre “Animais não-humanos: vítimas dos humanos, vítimas da natureza

  1. Pingback: ÉTICA ANIMAL. Luciano Cunha. UFSC. Animais não-humanos: vítimas dos humanos, vítimas da natureza. | MariaLDario's Blog

  2. Pingback: Site Animal-Ethics ganha versão em português | Altruísmo Eficaz

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s