Vacina Covid: Primeira vacina “marco histórico” dá 90% de protecção

Por James Gallagher (BBC)

Vacina Covid.fx

Será esta a Vacina Covid 19? (Arte digital: José Oliveira | Fotografias: Pixabay)

 

A primeira vacina eficaz contra o coronavírus pode prevenir que mais de 90% das pessoas contraiam a Covid-19, mostra uma análise preliminar.

Os criadores – a Pfizer e a BioNTech – descreveram este como um “grande dia para a ciência e para a humanidade”.

A sua vacina foi testada em 43 500 pessoas em seis países e não  surgiu qualquer preocupação de segurança.

As empresas planeiam solicitar a aprovação de emergência para usarem a vacina até ao final deste mês.

Nenhuma vacina passou da fase de projecto para a fase em que se mostra altamente eficaz num período de tempo tão curto.

Ainda há enormes desafios pela frente, mas o anúncio foi recebido calorosamente, com os cientistas a descreverem-se com um sorriso “de orelha a orelha” e alguns sugerindo que a vida poderia voltar ao normal já na Primavera.

“Provavelmente sou o primeiro a dizer isto, mas digo-o com uma certa confiança”, disse Sir John Bell, professor de medicina da Universidade de Oxford.

Quão eficaz poderá ser?

Uma vacina – em simultâneo com os melhores tratamentos – é vista como a melhor forma de sair das restrições que foram impostas a todas as nossas vidas.

Os dados mostram que são necessárias duas doses, com três semanas de intervalo. Os testes – nos EUA, Alemanha, Brasil, Argentina, África do Sul e Turquia – mostram que é alcançada 90% de proteção sete dias após a segunda dose. 

No entanto, os dados apresentados não são a análise final, pois baseiam-se apenas nos primeiros 94 voluntários a desenvolver a Covid, de modo que a eficácia específica da vacina pode mudar quando forem analisados os resultados completos.

O Dr. Albert Bourla, presidente da Pfizer, disse: “Estamos um passo (significativo) mais perto de fornecer às pessoas em todo o mundo uma inovação muito necessária para ajudar a pôr fim a esta crise global de saúde.”

O Prof Ugur Sahin, um dos fundadores da BioNTech, descreveu os resultados como um “marco histórico”.

Quando estará disponível a vacina?

Um número limitado de pessoas pode receber a vacina este ano.

A Pfizer e a BioNTech dizem que terão dados de segurança suficientes até à terceira semana de Novembro para levar a sua vacina aos reguladores.

Até que seja aprovada, não será possível aos países iniciarem as suas campanhas de vacinação.

As duas empresas afirmam que poderão fornecer 50 milhões de doses até ao final deste ano e cerca de 1,3 mil milhões [Br. 1,3 bilhão] até ao final de 2021. Cada pessoa precisa de duas doses.

O Reino Unido deve receber 10 milhões de doses até ao final do ano, com mais 30 milhões de doses já encomendadas.

Quem iria recebê-la?

Nem todos irão receber a vacina imediatamente e os países estão a decidir a quem deve ser dada prioridade.

Trabalhadores de hospitais e de lares de terceira idade estarão no topo de todas as listas por causa das pessoas vulneráveis ​​com quem trabalham, assim como os idosos que correm maior risco de doença grave.

É provável que o Reino Unido dê prioridade aos residentes mais velhos em lares de terceira idade e às pessoas que aí trabalham.

Mas o governo afirma que uma decisão final ainda não foi tomada, dizendo que irá depender do modo como a vacina funcionar em diferentes grupos de idade e como o vírus se estiver a espalhar.

Pessoas com menos de 50 anos e sem problemas médicos provavelmente serão os últimos da fila.

Existem potenciais problemas?

Ainda há muitas perguntas sem resposta, pois estes são apenas dados provisórios.

Não sabemos se a vacina impede a propagação do vírus ou apenas o desenvolvimento de sintomas. Ou se funciona igualmente bem em idosos de alto risco.

A maior questão – quanto tempo dura a imunidade – levará meses ou potencialmente anos para ser respondida.

Há também enormes desafios de fabricação e logística na imunização de um grande número de pessoas, já que a vacina deve ser mantida em armazenamento ultra-arrefecido abaixo de -80º C.

A vacina parece segura dado os numerosos testes realizados até agora, mas nada, incluindo o paracetamol, é 100% seguro.

Como funciona?

Existem cerca de uma dúzia de vacinas em fase final de testes – conhecido como ensaio de fase 3 – mas esta é a primeira a apresentar resultados.

Usa uma abordagem totalmente experimental – que envolve a injeção de parte do código genético do vírus – para treinar o sistema imunológico.  

Testes anteriores mostraram que a vacina treina o corpo para produzir tanto anticorpos, como outra parte do sistema imunológico chamada células T, para combater o coronavírus.

Graf. VacinaCovid

Qual foi a reacção?

O conselheiro médico chefe do Reino Unido, Prof Chris Whitty, disse que os resultados mostram o “poder da ciência” e são um “motivo para optimismo” para 2021.

O presidente eleito dos EUA, Joe Biden, disse que se tratava de “uma excelente notícia”.

“Também é importante compreender que o fim da batalha contra a Covid-19 ainda está a meses de distância”, acrescentou.

O porta-voz oficial do primeiro-ministro do Reino Unido disse que os resultados são “promissores” e que “o SNS está pronto para iniciar um programa de vacinação para aqueles que estão em maior risco assim que uma vacina Covid-19 estiver disponível”.

O professor Peter Horby, da Universidade de Oxford, disse: “Esta notícia fez-me sorrir de orelha a orelha”.

“É um alívio… há um longo, longo, caminho a percorrer antes que as vacinas comecem a fazer uma diferença substancial, mas isto parece-me um momento de viragem”.


Publicado originalmente por James Gallagher na BBC a 9 de Novembro de 2020.

Tradução de Rosa Costa e José Oliveira.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s